• Slideshow Destinos st Marteen

St Maarten / St Martin

Sobre | Pacotes | DestinosSolicite um orçamento

Manhãs ensolaradas à beira-mar; tardes de compras dutty free; passeios de barco; cavalgadas românticas; mergulhos, windsurf, vela; e restaurantes para todos os gostos, assim é St. Maarten (pronuncia-se Saint Martin) ou St. Martin (pronuncia-se Saint Martan). Seria mais uma ilha do Caribe, senão fosse pela singularidade de ser o menor território do mundo pertencente a dois países, Holanda e França, onde simultaneamente, dividem o pequeno território de 93 km².

Pequena, sim, mas só se for no tamanho, a ilha com 37 praias exuberantes, atividades para todos os gostos, hotéis de luxo, cassinos, parques, ainda é conhecida como a “A Capital Gastronômica do Caribe”, ao todo são mais de 450 restaurantes com opções de praticamente toda a culinária internacional, literalmente, não dá para manter a dieta em St. Maarten.

Colonizada por dois países europeus, cada lado da ilha possui suas peculiaridades, com moedas e idiomas próprios, mas não se preocupe, o dólar americano, assim como a língua inglesa são aceitas e usadas pelos moradores locais.

Entretanto, apenas uma placa separa a fronteira da parte holandesa (Saint Maarten) da parte francesa (St. Martin), as mudanças são bem sutis e os cerca de 1,7 milhão de turistas que desembarcam o ano todo neste destino, podem caminhar por toda a ilha sem restrição, com o charme da culinária francesa, somados à descontração da noite holandesa, tudo isso em um único lugar.

Para quem busca atrações históricas, apesar de toda a sua turbulência colonizadora no passado, St. Maarten não possui muitas opções, museus e passeios culturais não são seus principais atrativos, praticamente toda a herança da ilha está localizada no nos seus antigos fortes. Ao todo são quatro, mas apenas dois estão abertos para visitação: o Fort Louis (lado francês), do século XVIII, e o Fort Amsterdã (parte holandesa), de 1631, a primeira fortaleza militar construída no Caribe. Ambos os destinos revelam uma vista de tirar o fôlego de diversas praias da ilha.

Então não se sinta culpado de a cada dia conhecer uma praia, um restaurante, uma balada ou um cassino diferente. Não importa qual for o motivo ou sua companhia durante uma viagem para St. Marteen, seja uma lua de mel (romantismo é o que não falta), se for um passeio com a família (as crianças também têm diversão garantida), ou para paquerar com os amigos (baladas e muita agitação preenchem a noite).

Uma de nossas dicas, como ocorre na maioria das ilhas caribenhas, alugue um carro, é a maneira mais eficiente de conhecer cada detalhe do paraíso. Contudo, fique atento, o trânsito não é mil maravilhas e estacionar também é uma aventura, já que exige muita sorte e paciência.

Uma das principais vantagens de estar em St. Martin é a facilidade de conhecer outras ilhas paradisíacas do Caribe, que tal uma visita à queridinha dos ricos e famosos St. Barths, ou passar alguns dias em Anguilla, ainda é possível fazer passeios menores como Saba, uma ilhota vulcânica, com águas pra lá de transparentes, excelente para o mergulho.

Então... para que você aproveite cada pedacinho desta ilha cosmopolita, vamos agora decifrar cada detalhe deste paraíso.

 

Quer conhecer essa ilha incrível? Nossos roteiros para St Maarten são feitos sob medida de acordo ao perfil de cada cliente. 

Solicite um orçamento

St. Maarten (Lado Holândes) | St. Martin (Lado Francês) - Destinos

  • Philipsburg
  • Marigot
  • Praias


A capital do lado holandês

Conhecida como a Miami do Caribe, lá predomina a língua inglesa. Tudo é cobrado em dólares, um destino perfeito para quem não abre mão de fazer compras em lojas de grife e sem imposto.

Na principal rua da cidade, Front Street, localiza-se as principais lojas de perfume, eletrônicos (não com um preço tão chamativo), roupas de marcas internacionais renomadas e tudo o mais que você desejar. Além disso, não deixe de conferir os preços das jóias, sem dúvida, a tentação das mulheres.

Lá também está concentrada algumas das poucas construções coloniais da ilha ainda de pé, como a Courthouse, ou seja, o Fórum.

Ahhh, se você é apaixonado por chocolates conheça o Belgian Chocolat Shop, com produtos exóticos, como a batata frita banhada com chocolate.

Outra curiosidade está no Empório Guavaberry, onde são vendidos produtos feitos com esta fruta vermelha, adocicada e ao mesmo tempo com um leve sabor apimentado. Típica e exclusiva da ilha, a Guavaberry é muito usada na preparação de drinks e pratos da culinária local. Não deixe de degustar o licor e aproveitar para comprar algumas garrafas para levar para casa como lembrança. Compre também um molho para churrasco feito com a fruta, uma maneira de dar um toque caribenho em uma das principais diversões dos brasileiros em um fim de semana com os amigos.

Em Pilipsburg vale a pena passear por um calçadão com quase 2 km em Great Bay. Uma paisagem fantástica, ótima para deixar a brisa suave bater no rosto.

É na parte holandesa da ilha que está a maioria da população, talvez por isso concentre a maior parte da rede hoteleira; o grande porto, que chega a receber até oito transatlânticos por dia; e o principal aeroporto de St. Maarten, o Aeroporto Internacional Princesa Juliana.

E por falar em aeroporto, é imperdível passar uma tarde na praia Maho Beach. A proximidade do aeroporto é tanta que a grande atração são os aviões, que parecem aterrissar e pousar bem acima de suas cabeças, afinal, a pista está situada a 15 metros das areias. No Sunset bar, você ouve os comandos das torres de controle.
Para a criançada, o lado holandês da ilha também reserva surpresas pra lá de agradáveis, como o St. Maarten Park, o zoológico da ilha.

Para finalizar o seu tour por Philipsburg, se você estiver na ilha no mês de abril aproveite o Carnaval Caribenho, realizado em Front Street, com desfiles de rua e um delicioso festival gastronômico. Assim, é possível matar, um pouquinho, a saudade do Brasil.


A capital do lado francês

Aqui, todo o charme francês se mistura com a alegria e tradição do povo caribenho, uma combinação de nuances que transforma St. Maarten em uma ilha exclusiva. Diferentemente da parte holandesa, é difícil encontrar grandes hotéis e resorts, mas as praias lembram as da Riviera Francesa.

Aqui a moeda é o euro, mas o dólar americano também é amplamente aceito. O grande point do lado francês é a rica gastronomia, uma dica é a região de Grand-Case, apesar de pequena é rodeada por bares e restaurantes, inclusive com o melhor da culinária créole.

Em Grand Case, mais especificamente à beira-mar, estão os restaurantes mais turísticos, muitos com mesas no calçadão, que garantem uma bela vista para o mar caribenho.

Quem quiser um local mais tranquilo, na rue de Hollande há locais mais reservados e muito charmosos, além de ótimos preços. Tudo que o turista precisa.

O reduto de compras da região francesa não é tão popular quanto do lado holandês, mas também tem seus atrativos. Um exemplo é o Mercado de Marigot, localizado em frente a orla e aberto durante todos os dias da semana. Lá é possível encontrar desde o melhor do artesanato local, até roupas tradicionais. Uma dica: visite o local nas manhãs de quarta-feira ou sábado onde o colorido toma conta das barracas e se transforma em uma tradicional feira francesa.

Há também a Rua du General de Gaulle, o principal destino de compras do lado francês, com lojas voltadas para o público feminino e até as famosas Havaianas, mas dê preferência por levar as suas do Brasil, pois cada par custa mais de 30 euros.
Na parte francesa, apesar dos preços serem em euros, vale conferir os lançamentos dos perfumes, afinal, você pode dizer que está na França, e os produtos são apresentados simultaneamente com as novidades de Paris.

Além disso, atividades não faltam em Marigot. Para as crianças uma visita a Fazenda das Borboletas (The Butterfly Farm) é imperdível. Assim como uma tarde no Lotterie Farm, situado em um dos pontos mais altos da ilha, fantástico para quem aprecia o contato com a natureza. Lá há várias atrações para os pequenos, como tirolesa e arborismo, esportes radicais com muita diversão e toda segurança.

Agora, um fim de tarde em grande estilo com todo romantismo francês pode ser observado nos vários cafés e bares por toda a orla, um jeito diferente de apreciar o pôr-do-sol a Mode française.


Praias em St. Maarten / St. Martin

São 37 praias de águas cristalinas, mais que transparentes, areias branquinhas e o melhor, para todos os gostos, ou seja, aproveite sua viagem para St. Maarten e visite cada dia uma ou até várias, afinal, opção é o que não falta.

Mullet Bay - Perto do aeroporto, as águas são tão límpidas que parecem até azulejadas. A praia é pouco sinalizada, então para chegar até ela use como ponto de referência o campo de golf. Na orla há espreguiçadeiras para alugar, transformando o seu dia em puro relaxamento.

Cupecoy – A paisagem impressiona! Ao meio de falésias alaranjadas que dão um charme especial para esta praia. A prática de nudismo é ocasional na região, mas não obrigatória. No local está o Hotel cinco estrelas The Cliff, com o primeiro Spa Christian Dior do Caribe.

Orient Beach - Também conhecida como Baie Orientale. A praia mais famosa e badalada de St. Maarten tem excelente infraestrutura, porém dificilmente fica lotada até mesmo na alta temporada. O destino é point de praticantes de esportes náuticos. Mas fique atento, o lado direito da orla é dedicada ao nudismo, bem em frente a um hotel naturalista.

Le Gallion – Ideal para a prática de windsurf e caiaques, esta praia é super tranquila. Seu acesso é meio escondido, mas fica pertinho da Orient Beach.

Maho – Do lado do aeroporto é uma das praias mais visitadas de St. Martin. Aviões passam praticamente em cima da cabeça dos visitantes, inclusive atrai turistas para ver de perto as aterrissagens. Apesar da proximidade do aeroporto a praia também não é poluída, além de ser linda, ideal para lazer.

Great Bay – Uma das maiores praias da ilha, excelente para uma caminhada pelo calçadão que corta a orla, onde é possível apreciar os transatlânticos que chegam durante o dia todo. O local é ótimo e a vista é fantástica. Também é possível alugar espreguiçadeiras com ótimos preços.

Little Bay – Pequenina, mas muito charmosa, apesar de situada no Hotel Little Bay, a entrada é aberta aos visitantes.

Baie Longue – Cheia de mansões o turista se sentirá em Beverly Hills, mas não tem muita infraestrutura, somente para quem se hospeda no La Samanna, que terá serviços de primeira classe.


Praias em St. Maarten / St. Martin

São 37 praias de águas cristalinas, mais que transparentes, areias branquinhas e o melhor, para todos os gostos, ou seja, aproveite sua viagem para St. Maarten e visite cada dia uma ou até várias, afinal, opção é o que não falta.

Mullet Bay - Perto do aeroporto, as águas são tão límpidas que parecem até azulejadas. A praia é pouco sinalizada, então para chegar até ela use como ponto de referência o campo de golf. Na orla há espreguiçadeiras para alugar, transformando o seu dia em puro relaxamento.

Cupecoy – A paisagem impressiona! Ao meio de falésias alaranjadas que dão um charme especial para esta praia. A prática de nudismo é ocasional na região, mas não obrigatória. No local está o Hotel cinco estrelas The Cliff, com o primeiro Spa Christian Dior do Caribe.

Orient Beach - Também conhecida como Baie Orientale. A praia mais famosa e badalada de St. Maarten tem excelente infraestrutura, porém dificilmente fica lotada até mesmo na alta temporada. O destino é point de praticantes de esportes náuticos. Mas fique atento, o lado direito da orla é dedicada ao nudismo, bem em frente a um hotel naturalista.

Le Gallion – Ideal para a prática de windsurf e caiaques, esta praia é super tranquila. Seu acesso é meio escondido, mas fica pertinho da Orient Beach.

Maho – Do lado do aeroporto é uma das praias mais visitadas de St. Martin. Aviões passam praticamente em cima da cabeça dos visitantes, inclusive atrai turistas para ver de perto as aterrissagens. Apesar da proximidade do aeroporto a praia também não é poluída, além de ser linda, ideal para lazer.

Great Bay – Uma das maiores praias da ilha, excelente para uma caminhada pelo calçadão que corta a orla, onde é possível apreciar os transatlânticos que chegam durante o dia todo. O local é ótimo e a vista é fantástica. Também é possível alugar espreguiçadeiras com ótimos preços.

Little Bay – Pequenina, mas muito charmosa, apesar de situada no Hotel Little Bay, a entrada é aberta aos visitantes.

Baie Longue – Cheia de mansões o turista se sentirá em Beverly Hills, mas não tem muita infraestrutura, somente para quem se hospeda no La Samanna, que terá serviços de primeira classe.

Preço por pessoa em apartamento duplo . Os valores serão convertidos no câmbio do dia de pagamento da reserva. Preços sujeitos a alteração sem prévio aviso.
Os valores não incluem o valor da nova taxa governamental IRRF, em vigor desde 1º de janeiro de 2016. Verifique com um de nossos Consultores.